segunda-feira, 30 de junho de 2014

A gordura e as mulheres, as mulheres e a gordura...

Por que razão as mulheres têm mais dificuldade do que os homens em se livrarem daquela gordura difícil e qual a estratégia para combater a gordura nas coxas e segredo da figura ideal?

Para quem não sabe, a gordura estomacal masculina é, por sua estrutura, muito semelhante à gordura das coxas das mulheres, mas, infelizmente combater a gordura feminina é muito mais difícil!

 

Agora, uma questão, porque é que as mulheres têm dificuldade em emagrecer?
A natureza faz de tudo para proteger ao máximo a função principal do corpo, ou seja, a reprodução da sua própria espécie. A gordura nas mulheres é muito mais difícil de mobilizar e queimar, mesmo sob a influência de adrenalina.
Se chegarem a um nível de gordura de 9-12% as mulheres deixam de menstruar, ou seja, este é o modo do corpo dar um claro e inequívoco aviso de que não consegue suportar a vida de uma criança. De certa forma a perda de peso até este nível de gordura é considerado um corpo extremamente doente.
 
As coxas...
A situação comum é a mulher com a parte superior do corpo bem magra e estômago chapado, mas com problemas de acumulação de gordura na metade inferior do corpo. Infelizmente, na tentativa de alterar esta situação, muitas recorrem a métodos radicais.
O peito é outro local de acumulação de gordura. Mas o facto de esta gordura ser fácil de mobilizar e de as células de gordura morrerem com isso, não é propriamente uma coisa positiva. O que acontece é que em caso de emagrecimento súbito, o peito reduz e não volta mais a recuperar.
 
 
 
Mas afinal como é que as mulheres devem emagrecer corretamente?
 
As boas notícias são duas: primeiro, as mulheres reagem ligeiramente melhor do que os homens às dietas com restrição moderada de carboidratos para 50-70 gramas por dia e, por outro, o risco de perder massa muscular com a perda de peso não é relevante para a maioria das mulheres.
O primeiro passo para ter um corpo elegante é simples. Deve haver um rigoroso limite de ingestão calórica com controle da norma diária em não mais do que 15-20%, controle dos valores dos carboidratos (não mais de 50-70 g por dia). E também, ingestão moderada de gordura (cerca de 20% das calorias diárias). O resto devem ser proteínas.


Musculação para mulheres
 
Tendo em conta que para as mulheres não se coloca o objetivo de ganhar massa muscular, elas podem utilizar o treino de peso para perda de gordura. Para tal, os exercícios devem ser realizados com muitas repetições.
A combinação ideal é a seguinte:
- Sete a dez minutos de cardio para aquecer;
- Treino propriamente dito com 10 a 12 exercícios com 3 a 4 séries de 15 a 20 repetições;
- No final mais 15 a 20 minutos de cardio.
 
 
 

E, por favor!! Se és mulher não tenhas medo de treinar os músculos: as mulheres têm muito mais dificuldade em ganhar massa muscular e para ficar com músculo precisam de fazer um tratamento de terapia hormonal. No dia-a-dia, nem mesmo o uso de grandes pesos ​​ provocará crescimento muscular significativo.
 
 
fonte:fitseven

2 comentários:

  1. Respostas
    1. Sim, será suficiente para começar a ver resultados, apesar de 4 vezes ser melhor =)

      Eliminar